Mercado Imobiliário

O que os clientes odeiam nos imóveis

Para se sair bem na hora de apresentar um imóvel a um cliente é importante que o corretor conheça os desejos e as necessidades dele e de sua família, além do valor disponível para gastar com a compra ou locação.

(Foto: Shutterstock)
Imóveis sem garagem também não são bem vistos (Foto: Shutterstock)

No entanto, há algumas características que costumam desagradar a maioria das pessoas que buscam uma casa ou apartamento.

Segundo Aparecido Viana, da Viana Negócios Imobiliários, os clientes fogem de imóveis voltados para ruas e avenidas movimentadas, com barulho em apartamento, por exemplo. “Além do barulho constante, que pode prejudicar o sono, a grande circulação de carros gera poluição e poeira dentro de casa.”

Outro item que incomoda os clientes são as telhas de amianto. Um dos motivos é porque é difícil ter equilíbrio térmico com esse revestimento: no verão a casa fica muito quente e, no inverno, fica mais fria. Além disso, o amianto é uma substância tóxica que pode causar câncer no pulmão e aparelho digestivo, principalmente se houver incêndio na residência.

Imóveis sem garagem também não são bem vistos. Afinal, atualmente quase todas as famílias têm pelo menos um carro e deixar o veículo na rua não é uma opção segura, ao passo que pagar um estacionamento pode sair bem caro.

“Além disso, as pessoas evitam morar em imóveis que tenham bares próximos, pois normalmente atraem muito movimento e barulho; escolas em frente ao prédio, por causa do trânsito; imóveis sem recuo, com janela na calçada, pois se perde a privacidade; locais onde haja igrejas evangélicas muito próximas, por conta do movimento e do barulho; além de apartamentos sem sol ou boa ventilação”, complementa Viana.

Escreva um comentário