Mercado Imobiliário

Como um corretor de imóveis pode atrair clientes jovens?

O primeiro grande sonho de consumo dos jovens costuma ser um automóvel. Algum tempo depois o alvo deles – que querem morar sozinhos ou casar – passa a ser o imóvel. Ou seja, para quem vende apartamentos ou casas, este é um consumidor que quer ser convencido a adquirir o bem. Só resta saber qual caminho seguir para ter sucesso no jogo da sedução.

Este público precisa ser informado das novidades para fechar negócio (Foto: Shutterstock)
Este público precisa ser informado das novidades para fechar negócio (Foto: Shutterstock)

Para o professor de matemática financeira e vice-presidente da Ordem dos Economistas do Brasil, José Eduardo Vieira Sobrinho, o mercado tem ótimas informações a fornecer a quem apesar de jovem – por volta dos 25 anos – tem posses. Basta que este público fique por dentro das novidades para fechar negócio.

“Os preços dos imóveis, que subiram muito nos últimos quatro anos, se estabilizaram – cenário que deve permanecer nos próximos meses. A Taxa de Referência, utilizada para reajuste das prestações, teve alta bem menor em relação ao IPCA”, diz.

Nos últimos dez anos, segundo o professor José Eduardo, o acumulado da TR foi de 12,52%. Já do IPCA chegou a 69,24%. Tudo isso vai pesar na decisão de compra do jovem, que precisa apenas ter acesso a estes detalhes para verificar se tem condições ou não de realizar o sonho da casa própria.

Escreva um comentário