Mercado Imobiliário

Confira o preço médio de locação nas principais cidades do País

Segundo o relatório deste mês divulgado pelo índice FipeZAP, os preços de locação registraram queda de 0,22% na passagem do terceiro para o quarto mês do ano. Esse resultado mostra queda nominal em 11 dos últimos 12 meses e acumula variação negativa de 4,80% nesse período. Trata-se de um recorde negativo para a série histórica (cujo início se dá em 2009).

Confira a tabela abaixo:

FipeZap_Locação_201604

 

A inflação medida pelo IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) para os mesmos meses atingiu 9,28%. Dessa maneira, entre abril de 2015 e abril de 2016 o índice de locação mostrou queda real de 12,88%.
Todas as cidades brasileiras que compõem o índice registraram resultados inferiores à inflação nesse período, sendo que Rio de Janeiro, São Paulo, Salvador, Porto Alegre, Santos e Distrito Federal exibiram queda nominal de preços. O preço médio anunciado para locação por m² nas 11 cidades pesquisadas em abril deste ano foi de R$ 30,86/mês.

+ Gostou das dicas? Aproveite e deixe seu comentário!

+ Faça seu cadastro no ZAP Pro e receba as novidades

Os preços anunciados para locação considerados para o cálculo do índice são para os contratos fechados em abril de 2016 . Normalmente reajustados automaticamente pelo IGP-M/FGV (Índice Geral de Preços do Mercado/ Faculdade Getúlio Vargas) ou por outros índices de correção-. Assim, mostra de forma mais dinâmica como a demanda e a oferta por moradia estão se relacionando. Além disso, ao comparar o preço de locação com o preço de venda dos imóveis, é possível ter uma medida da rentabilidade para o investidor que opta por locar seu imóvel. Essa medida é importante para avaliar se o mercado imobiliário está mais ou menos atrativo em relação a outras opções de investimento. Em abril, o retorno médio anualizado com aluguel foi de 4,6%.

+ Quanto um corretor de imóveis ganha de comissão?

+ Quero ser corretor de imóveis: quanto vou ganhar?

Quando dividir a comissão de um imóvel?

1 Comentário

Escreva um comentário