Mercado Imobiliário

Quando dividir a comissão de um imóvel?

Vamos imaginar a seguinte situação: após uma longa procura, o corretor finalmente encontra um imóvel que se encaixa perfeitamente nas expectativas de seu cliente. Porém, esse apartamento está sob os cuidados de outra imobiliária. O profissional então perdeu a venda?

(Foto: Shutterstock)
Nesse ramo parcerias são necessárias para o sucesso (Foto: Shutterstock)

Não raros, esses casos acontecem com muita frequência no mercado imobiliário e a solução é o “fifity”, termo usado para dividir a comissão entre corretores ou duas imobiliárias. A corretora Victoria Kalili diz que essa parceria faz com que o profissional não perca a venda e abra seu leque para novas oportunidades. “Isso ocorre quando o corretor tem o cliente, mas não tem o imóvel. Então ele nos procura e fazemos um acordo”, explica.

O “fifity” é a divisão de 50% para cada parte envolvida da comissão que, normalmente, é de 6% do valor do imóvel. Essa divisão pode ser prevista em um acordo feito à parte do contrato.

Daniela Gomes, radialista, proprietária de um apartamento de dois quartos em São Bernardo do Campo, tinha um imóvel à venda em duas imobiliárias havia mais de um ano. Um corretor autônomo viu a placa em frente ao prédio e falou que seu cliente estava interessado em comprar um apartamento com aquelas características. Daniela pediu que o profissional entrasse em contato com a imobiliária e o “fifity” foi acordado entre as duas partes. O negócio foi fechado.

Victória lembra que alguns corretores se passam por clientes para tentar localizar o dono de um imóvel para que a divisão da comissão não seja realizada, porém, alerta que isso pode comprometer a reputação do profissional no mercado. “A melhor receita para o sucesso em nossa profissão é a honestidade. Esconder informação do cliente não é um bom negócio”, aconselha.

Após o acordo entre as duas partes ser finalizado, o valor do imóvel será definido e consequentemente a comissão. Normalmente, a imobiliária prepara o contrato e faz o levantamento de todos os documentos necessários. Após o pagamento ser feito, o estabelecimento transfere o dinheiro para o autônomo ou para a outra imobiliária. Em alguns casos, o proprietário que vendeu seu imóvel transfere diretamente o valor da comissão para os corretores
envolvidos. 

+ Gostou das dicas? Aproveite e deixe seu comentário!

+ Faça seu cadastro no ZAP Pro e receba as novidades!

+ Dicas de como um corretor de imóveis deve se vestir

+ Dicas para evitar gafes no ambiente de trabalho da sua corporação

+ Entenda a importância de ter uma boa aparência

+ Conheça as ferramentas necessárias e saiba como vender mais imóveis

Escreva um comentário