Mercado Imobiliário

Roseli Hernandes responde: Elevador em casa valoriza o imóvel na hora da venda?

Elevador no imóvel não é sinônimo de valorização (Foto: Shutterstock)
Elevador no imóvel não é sinônimo de valorização (Foto: Shutterstock)

Casa com elevador é quase sinônimo de status e glamour. Uma facilidade que combina com a vida de personagem de novela. Mas que não tem muito a ver com a realidade atual. Hoje em dia as casas com elevador não fazem parte dos sonhos de quem procura um imóvel. Por isso, é preciso pensar duas ou mais vezes na hora de instalar um elevador em casa. Já os condomínios que têm elevadores são mais apreciados, principalmente se estiverem localizados nas principais capitais do País.

De acordo com a diretora de Imóveis de terceiros da vice-presidência de Comercialização e Marketing do Secovi-SP, Roseli Hernandes, quem tem um familiar idoso ou portador de alguma deficiência física – e que, portanto, teria dificuldade com escadas – procura por uma casa térrea. “Não é comum o interesse por um imóvel com elevador. Não é um objeto de desejo. O que as pessoas pedem hoje, ao pesquisar um imóvel, é uma varanda gourmet ou uma área de lazer, por exemplo”, detalha Roseli.

É importante ressaltar que uma casa com elevador não fica mais valorizada. “Dependendo do elevador é possível conseguir aproximadamente R$ 7 mil a mais na negociação. Um elevador tem custos de manutenção e sempre existem pessoas que temem usá-lo. Imagine ter um dentro de casa”, diz a diretora do Secovi-SP.

Escreva um comentário