Mercado Imobiliário

Entenda porque é importante colocar o endereço do imóvel no anúncio da internet

No início deste ano, cerca de 35% das pessoas acessavam o ZAP por meio de seus celulares. Seis meses depois, esse número pulou para 50%. Ou seja, 27 milhões de pessoas procuram ofertas para comprar, vender ou alugar um imóvel em seus smartphones todos os meses, já que o ZAP é acessado por 54 milhões de internautas mensalmente.

endereço no anúncio

O dado assustador é que se o imóvel não possui a geolocalização, ele não é visto por quem acessa o portal pelo celular. A gerente comercial do ZAP, Fernanda Pacheco, explica que a falta de endereço torna o imóvel “invisível” na plataforma mobile. “O anúncio precisa estar completo com o endereço e CEP. Isso também traz agilidade na hora da escolha de um imóvel por quem procura”, diz a gerente.

Corretores reclamam da divulgação do endereço

Há uma mentalidade de que o interessado pode ir direto ao imóvel sem procurar o corretor, caso ele tenha todas as informações disponíveis. Há também profissionais que acreditam que outra imobiliária possa entrar em contato com o proprietário e anunciar o mesmo imóvel.

Fernanda fala que o segredo é criar uma relação próxima com o dono do local. “O profissional deve mostrar a importância de ter um só corretor para que seu imóvel não seja mais um na prateleira de uma imobiliária”, explica. Segundo a gerente, um corretor exclusivo traz mais segurança para um negócio, uma vez que ele selecionará somente interessados, dificultando a vida dos estelionatários. “É uma forma de se evitar fraudes e constrangimentos”, diz a gerente.

endereço no anúncio

Experiência

O Portal ZAP propôs para donos de imobiliárias divulgarem o endereço em algumas de suas ofertas anunciadas. Segundo Fernanda, a experiência demonstrou que os anúncios com boas descrições conseguiam atingir o seu objetivo com muito mais facilidade. Informações como valor de IPTU e do condomínio permitem que o interessado já avalie se aquele imóvel está ou não dentro do seu orçamento.

A gerente comercial lembra que não basta colocar na descrição que o imóvel possui, por exemplo, dois dormitórios, sala, cozinha e banheiro. Lembre-se: todos os apartamentos de um condomínio são iguais. É preciso saber valorizar os pontos fortes e as particularidades daquele local. Como dizer que a área de churrasco é coberta ou que há um ôfuro aquecido na área externa de uma casa. “Tudo que está exposto na internet, seja de qualquer seguimento, tem um apelo visual muito grande. O que vai atrair o clique de seu cliente é a imagem e o detalhamento que você dará para o seu produto”, finaliza Fernanda.

+ Saiba como orientar seus clientes com as ferramentas do ZAP

+ Veja 4 dicas para o contrato de locação

Compare uma boa descrição de um imóvel com uma ruim

1 Boa:

– Fotos atrativas e bem iluminadas

– Descrição de pontos altos do imóvel, como piso de porcelanato, teto rebaixado, local ensolarado pela manhã

– Divulgue endereço completo e valores de condomínio e IPTU

2 Ruim:

– Informações irreais como a foto de outro imóvel

– Publicidade enganosa

– Ausência de fotos

+ Gostou das dicas? Aproveite e deixe seu comentário!

+ Faça seu cadastro no ZAP Pro e receba as novidades!

+ Conheça a história de um casal que se apaixonou pela profissão de corretor de imóveis

+ Corretor de imóveis utiliza van personalizada para negociar imóveis

+ Redes sociais: cuidado com a reputação digital

+ Veja 11 dicas para você melhorar seu marketing digital

 

 

Escreva um comentário