Mercado Imobiliário

Vistoria minuciosa: confira dicas para fazer no apartamento do seu cliente

As vistorias de imóveis auxiliam os proprietários de imóveis para locação, locados ou devolvidos, a constatar o estado real do imóvel. A ideia é pontuar o que está ou não avariado ou em seu devido lugar, além de sugerir possíveis melhorias. Mas o trabalho requer calma e bastante profissionalismo. A vistoriadora e fotógrafa da Max Lider Imóveis Priscilla Rosa Carvalho ensina que é preciso olhar cada detalhe do local, como se o próprio vistoriador morasse ali. Para ela, uma vistoria minuciosa é uma segurança para locatário e locador. “É importante para que não haja desgastes entre as partes durante o tempo de contrato vigente. Assim, o locador vai ter sempre seu imóvel conservado e o locatário um bom imóvel para seu uso”, explica ela, que trabalha na área há quase quatro anos.

A maioria das imobiliárias têm profissionais escalados apenas para esta função, tamanha a sua importância. “Fazemos um relatório detalhado que pontua cômodo por cômodo, estado de conservação, número de portas de armários, cores das paredes e móveis, acabamento, revestimentos e muito mais”, explica o empresário Jorge Sakamoto, da JKS Imobiliária. Por lá, os relatórios nunca têm menos do que cinco páginas. Essas vistorias são geralmente feitas em horário comercial. É que a maioria das administradoras de apartamentos não liberam a entrada de serviços fora desse período.  Mas em certos casos, quando o locador acompanha o trabalho, por exemplo, esse horário pode ser ‘conversado’.

+ Gostou das dicas? Aproveite e deixe seu comentário!

+ Faça seu cadastro no ZAP Pro e receba as novidades!

Uma das características de um bom vistoriador é ser detalhista. Mas não há um tempo ideal estimado para que o “check-list” completo seja feito. Isso vai depender do tipo de imóvel, do seu tamanho, objetos e móveis, e por aí vai. Um olhar bem critico ajuda muito em uma vistoria, mas nada como alguns equipamentos para facilitar o trabalho. Na bolsa da Priscilla não falta papel e caneta para anotação de todos os detalhes, um aparelho simples chamado “Teste Indicador de Tensão”, como um chaveiro que ajuda a testar as tomadas, lâmpada nova para testes de bocal de energia e uma boa máquina fotográfica para registro de imagens de todos os ambientes e seus detalhes. A pedido do Zap Imóveis, Priscilla sugeriu o que é obrigatório que se faça na vistoria de um apartamento. Confira:

Na sala e nos quartos:

(Foto: Shutterstock)
É importante testar as funcionalidades da mobília e qualidade (Foto: Shutterstock)

Teto, piso, portas, batentes, maçanetas e fechaduras, parapeitos, janelas e vidros, tomadas, bocal de luz, saídas de televisão e telefone – observando suas entradas e espelhos. Para a mobília, deve-se testar a funcionalidade de cada uma delas.

No banheiro

Teto, piso, portas, batentes, maçanetas e fechaduras, parapeitos, janelas e vidros, tomadas e bocal de luz; abertura e fechamento de box, caso tenha, porta-toalhas, gabinetes; parte hidráulica de torneiras, vaso sanitário e aquecimento de torneiras ou chuveiros, caso tenha; toda a funcionalidade das mobílias do cômodo.

Na cozinha/área de serviço

Teto, piso, portas, batentes, maçanetas e fechaduras, parapeitos, janelas e vidros, tomadas e bocal de luz;  parte hidráulica de torneiras e aquecimento, caso tenha; funcionalidade da saída de gás de cozinha.

Para eletrodomésticos e objetos em geral

É obrigatório testar a funcionalidade de todos eles. Suas condições precisam ser descritas com riqueza de detalhes. Para linha branca, por exemplo, deve-se falar a marca, voltagem, cor e possível avaria. Móveis como armários devem conter número de portas, puxadores, tipo e cor da madeira, quantidade de gavetas e nichos, possíveis pontos de deterioração, causados por cupins, entre outros.

+ Conheça o corretor que usa helicóptero para mostrar imóveis aos clientes

+ Veja 5 dicas para você vender mais

+ Veja dicas de como negociar um imóvel para solteiro

+ Mercado imobiliário mostra sinais de melhor

+ Veja o que você precisa saber para vender um imóvel

+ Conheça o guia completo para se tornar o melhor corretor de imóveis

Escreva um comentário