Mercado Imobiliário

O que homens e mulheres priorizam na hora de comprar um imóvel

São muitos os aspectos na vida que homens e mulheres pensam de forma diferente. E na hora de comprar imóvel as diferenças em relação aos gostos inerentes a cada sexo também se destacam. Mesmo que, no final, ambos busquem um bom negócio, as prioridades de cada um são ressaltadas na hora da decisão e podem até determinar ou mudar o tipo de imóvel que buscam. Para o corretor, é preciso ficar atento aos gostos de cada um na hora da abordagem para oferecer um produto que agrade aos dois e fechar o negócio o quanto antes.

comprar imóvel
No momento da escolha do imóvel as mulheres são sempre mais detalhistas (Foto: Shutterstock)

Na hora da procura do imóvel, as mulheres se mostram mais detalhistas. É ponto comum entre elas a preocupação com a organização do espaço no imóvel, a qualidade do acabamento, a disposição dos cômodos, o espaço da cozinha, armários e se há espaço para um closet. Além disso, a mulher observa não somente o imóvel em si, mas os atributos que ele pode render e a inerência dele na vida do casal. “Elas pensam em detalhes que eles não pensam. A mulher vai observar a localização e a estrutura no entorno, vai verificar se a escola do filho é perto, se tem banheiro para a diarista ou parada de ônibus por perto”, afirma o economista Marcelo Barros.

Já os homens, em geral, apresentam outras preocupações na hora de procurar um imóvel. Entre as prioridades, estão uma sala ampla e uma boa área de lazer, já que ele pretende causar boa impressão ao receber as visitas. Outra questão que tende a ser pensada por eles é o pagamento. “Ao homem, de uma forma geral, cabe a negociação. É ele quem se preocupa com a capacidade de pagamento e a a forma de financiamento”, diz o economista.

O economista e professor da Faculdade Boa Viagem, Antônio Pessoa, reforça a diferença no pensamento entre as mulheres e os homens na hora de decidir a compra do imóvel. “A mulher prioriza mais a oferta de serviços no entorno, está mais ligada à questão da educação dos filhos, ela é mais sensível a estas questões. Já o homem, de uma forma geral, está mais preocupado com a questão financeira”, explica.

+ Gostou das dicas? Aproveite e deixe seu comentário!

+ Faça seu cadastro no ZAP Pro e receba as novidades!

No final das contas, as diferenças na hora de eleger qual imóvel comprar não se tornam um problema. Pelo contrário, elas se somam para definir a melhor opção para ambos. “O que é importante de focar é que não existe correto ou errado. No final, a junção dos gostos é que ajuda na decisão”, aponta a advogada Daniele Akamine, diretora da Akamines Negócios Imobiliários.

comprar um imóvel, corretor
Os corretores precisam estar atentos as necessidades de cada cliente (Foto: Shutterstock)

É justamente a essa fusão que os corretores devem estar atentos na hora de oferecer os imóveis para os clientes. Se antes os homens eram mais responsáveis por tomar a decisão e o foco dos critérios estava mais voltado para eles, hoje a situação mudou bastante e as mulheres conquistaram posição no mercado de trabalho e também neste tipo de decisão. “Pelas nossas pesquisas, é comum predominar o gosto das mulheres e em 90% elas saem vitoriosas em suas escolhas. No final, elas são mais conscientes na hora de decidir a compra e a opinião predomina”, afirma Laudimiro Cavalcanti, diretor do Conselho Regional dos Corretores de Imóveis do Rio de Janeiro (Creci-RJ). Portanto, é importante que o corretor estude o que ambos querem na hora de comprar um imóvel para oferecer o melhor produto e fechar a negociação o quanto antes. Todos saem ganhando.

Fique por dentro:

– Como antes os homens eram os que detinham o poder financeiro da família, o foco da compra do imóvel era mais voltada para o lado masculino. As mulheres ficavam responsáveis pela decoração;

– Com o tempo, a mulher passou a ocupar um papel importante no mercado de trabalho e muitas, ocupando altos cargos em empresas, tornaram-se chefes de família;

– O novo cenário refletiu na forma de consumo e deu mais voz às mulheres na hora de escolher e negociar o imóvel;

– Em muitos casos, as mulheres visitam vários endereços previamente antes de levar o companheiro aos que mais agradaram;

– As construtoras passaram a estudar o mercado e, dependendo do público alvo, priorizam a tipologia do empreendimento, dando mais destaque a áreas sociais ou à organização de espaço;

– Os corretores precisam ficar atentos aos gostos de cada um e, na hora de oferecer um imóvel, buscar atender aos dois e concluir a venda ou locação de forma mais rápida.

+ O corretor precisa conhecer as características das várias gerações de clientes

+ 5 dicas para você abordar seu cliente e vender mais

+ Clientes da chamada terceira idade são exigentes

+ Mulheres ganham espaço entre os corretores de imóveis

+ Parcerias com decoradores e arquitetos podem ser decisivas na negociação

Escreva um comentário