Mercado Imobiliário

Redes sociais: cuidado com a reputação digital

Se você atua no mundo profissional é quase impossível não ter presença nenhuma nas redes sociais. Não pense que estou falando das redes mais populares como Facebook, Linkedin, Instagram ou similares, ao entrar em um grupo de WhatsApp você já está exposto, o que você escrever ali vai determinar muito o que você pensa, seu comportamento profissional ou pessoal, não há como fugir.

Antes de publicar, pense: Você teria coragem de escrever isso em um Outdoor? Se a resposta for não, não publique. Porque o poder de repercussão pode ser bem maior.

A sua marca pessoal é o que você tem de mais precioso. E preservá-la é o mais coerente. Quando falamos em networking , pensamos em reputação. E aí é preciso perguntar:

  • – Qual o conceito que os outros têm de você, no mundo virtual? 
  • – O que diz seu cartão de visitas nas redes sociais?

A preocupação com uma rede social organizada e com informações relevantes cria uma imagem forte e estabelece a sua identidade.

Pense sempre o seguinte: quando você publica algo em sua rede pessoal, como o Facebook, a sua postura tem que ser a mesma de quando atua em uma rede profissional como o LinkedIn.

redes sociais, facebook
Seja a mesma pessoa em todas as redes sociais (Foto: Shutterstock)

Você é um só, não é possível ser uma pessoa no mundo profissional e outra no pessoal.

Millôr Fernandes disse: “quão admiráveis são as pessoas que nós não conhecemos bem”.

Já aconteceu com você de ter uma tremenda admiração por alguém com quem você tem pouco contato e depois de adicioná-la ou aceitar seu pedido de conexão, a sua visão a respeito daquela pessoa mudou? A admiração acaba quando você vê comentários agressivos, publicações que mostram preconceito ou futilidade. Ninguém consegue ficar isento disso.

Uma publicação pode prejudicar a primeira impressão que você passará ao seu networking.

Algumas preocupações com sua reputação digital:

Proteja sua rede pessoal. Lembre-se que:

  • Nem sempre ter muitos contatos significa ter um ótimo networking.
  • Antes de solicitar conexão com alguém, pense no objetivo de ter aquela pessoa em sua rede. Será que ela deveria estar em seu Facebook ou somente em seu LinkedIn, já que se trata de um contato profissional?
  • Concentre-se nos relacionamentos estratégicos e de qualidade, que você ou sua empresa precisam. Grandes redes de relacionamento sem utilidade não são interessantes e podem dificultar a administração do seu perfil.  Principalmente em redes de uso pessoal, como o Facebook.

Ao criar conexão com um potencial cliente:

  • 1- Defina seu público alvo – cargos, empresas, segmentos, etc.
  • 2- Personalize um convite de conexão, diga porque você o quer em sua rede profissional.
  • 3- Seja alguém relevante, divulgando conteúdo relevante.
  • 4- Passe a atuar mostrando que você é uma pessoa que se diferencia em sua área de atuação

Redes sociais serve de vitrine para o seu negócio. Saiba como:

Redes sociais para corretores: Participe do Linkedin e ganhe credibilidade


O fim sempre será o relacionamento pessoal.

As redes sociais digitais são uma ferramenta de grande relevância para aproximar você de seus interesses profissionais fora do virtual.

Suas ações on-line refletirão nitidamente de forma positiva ou negativa no mundo “off-line”, dependendo apenas de como você se comportará. Essas ferramentas são extensões da sua personalidade, das suas responsabilidades, dos seus princípios, e por isso, servem como um poderoso filtro para escolha no mundo real.

+ Gostou das dicas? Aproveite e deixe seu comentário!

+ Faça seu cadastro no ZAP Pro e receba as novidades!

+ Assista todos os vídeos

+ Veja 11 dicas para você melhorar seu marketing digital

+ Saiba como utilizar geomarketing em seus negócios

 

Escreva um comentário