Mercado Imobiliário

Zona oeste de São Paulo recebeu 13 mil apartamentos desde 2011

O mercado imobiliário da zona oeste de São Paulo segue em alta. A região recebeu 124 lançamentos residenciais no período compreendido entre março de 2011 e fevereiro de 2014, movimentando R$ 9,9 bilhões em VGV. Ao todo, foram 196 torres e 13.539 novos apartamentos na região. Os dados são de um estudo realizado pela Lopes.

Do total de apartamentos, 48% têm até 69 m² (Fotos: Shutterstock)
Do total de apartamentos, 48% têm até 69 m² (Fotos: Shutterstock)

Na zona oeste, o preço do metro quadrado de lançamento corrigido é R$ 9.660 e o tíquete médio, R$ 735 mil.

“A região mantém um ótimo nível de estoque, com 16% das unidades lançadas, demonstrando boa liquidez e potencial de crescimento. Já foram identificados 100 futuros lançamentos e o mercado ganha impulso com obras de revitalização e infraestrutura, como a linha amarela do Metrô,” explica Mirella Parpinelle, diretora geral de atendimento da Lopes.

As unidades também foram analisadas de acordo com a área útil. Do total de apartamentos, 48% têm até 69 m², 34% têm entre 70 e 109 m², 10% têm de 110 a 169 m² e 8% têm 170 m² ou mais.

Ainda segundo a pesquisa, do total de empreendimentos lançados, 1% é do segmento popular (1 empreendimento), 11% do econômico (13), a maior concentração está no médio padrão, 49%, com 61 empreendimentos. Além disso, 23% são de alto padrão (29) e 16% de altíssimo (20).

Escreva um comentário